Enigmas Lógicos Ilustrados
Enigmas Lógicos Ilustrados

Brincando de Detetive - O Intrigante Caso do Pichador Misterioso ©

Enigmas Lógicos Ilustrados

No Museu da cidade havia uma obra prima chamada "O Selo". Era um quadro tão raro e valioso, que somente era exposto ao público uma vez por ano.

Motivo pelo qual ficava guardado numa sala especial, de acesso restrito, onde apenas funcionários escolhidos a dedo podiam entrar.

Mas, eis que um dia, ao entrar na sala, o supervisor viu estupefato, que o quadro tinha sido pichado.

Desse modo, sem perder mais tempo, o Inspetor Arruda foi chamado para investigar o caso.

Brincando de Detetive - O Intrigante Caso do Pichador Misterioso ©

Enigmas Lógicos Ilustrados

“Vi essa verdadeira calamidade ao entrar na sala. A partir desse ponto, não toquei em absolutamente nada, deixando a cena do mesmo modo que a vi. Em seguida, sem perder mais tempo, resolvemos chamar a polícia...”

Depois de examinar rapidamente o local, e após confrontar a cena com aquilo que disse o Supervisor, o Inspetor acha que o próprio Supervisor é o Pichador.

Eis a Questão... Por quê ele tem tanta certeza de sua culpa?

Dê sua opinião e confira a Resposta...

Brincando de Detetive - O Intrigante Caso do Pichador Misterioso ©

Enigmas Lógicos Ilustrados

Resposta do Enigma:

O Inspetor, após examinar o local, e após ouvir com atenção o depoimento do supervisor, pensou consigo mesmo:

“Se ele disse que entrou na sala e viu o quadro já pichado, e disse ainda que não tocou em mais nada, então, o que faz aquela chave na fechadura do lado de dentro da porta?”

E pensando assim, ele concluiu que o autor da pichação estava no interior da sala, e claro, com a porta trancada por dentro.

O que significava que, como o supervisor afirmara, se fora ele quem entrara na sala, a chave deveria estar do lado de fora, e não por dentro. Conclusão lógica: Ele estava mentindo!